quinta-feira, 24 de março de 2011

Artur Agostinho



No dia 22 de Março faleceu, aos 90 anos, o comentador televisivo Artur Agostinho.
Apresentou o primeiro concurso da
televisão portuguesa, o "Quem Sabe, Sabe", e participou em programas como "O Senhor que se Segue", "No Tempo Em Que Você Nasceu" e "Curto-Circuito" e ainda em várias séries e telenovelas.
Participou nos
filmes Cais do Sodré (1946), O Leão da Estrela (1947), Capas Negras (1947), Cantiga da Rua (1950), Sonhar é Fácil (1951), O Tarzan do 5º Esquerdo (1958), Dois Dias no Paraíso (1958), O Testamento do Senhor Napumoceno (1997) e A Sombra dos Abutres (1998).[1][3]
Foi agraciado com a
Comenda da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada em 28 de Dezembro de 2010.[4][2]
Fez parte do departamento desportivo da
Rádio Renascença, nos anos 80 do Século XX, depois de ter sido um dos mais brilhantes relatores desportivos de sempre aos microfones da Emissora Nacional de Radiodifusão.

Sem comentários:

Enviar um comentário